quarta-feira, 6 de agosto de 2008

Como investir bem seu dinheiro segundo os Axiomas de Zurique


Não confie na maioria. Não tente novamente. Se as coisas começarem a dar errado, abandone o barco. Se essas dicas podem soar estranhas aos ouvidos dos mais conservadores, pode ser a solução mais moderna para não perder tanto dinheiro em investimentos de qualquer natureza.

Quem defende essas teorias é o escritor Max Gunhter, que em seu livro, “Os Axiomas de Zurique” (editora Record) dá dicas de como investir baseando-se no modelo de investimento suíço.

O livro, um guia para quem deseja ganhar dinheiro no mercado financeiro, vai de encontro às cartilhas mais clássicas e tradicionais de consultoria financeira. No mundo imprevisível dos negócios, Gunther afirma: fuja daquilo que a maioria encara como verdade absoluta.

À primeira vista, esses códigos podem parecer assustadores, mas o autor garante que as dicas são válidas e úteis. Que o digam os banqueiros suíços, que serviram de exemplo para as teorias expostas por Gunther. “Os Axiomas não são apenas uma filosofia da especulação, são marcos para uma vida de sucesso”, dizem.

Acreditando ou não nas dicas dos suíços (vale lembrar que a Suíça é um dos países mais ricos do mundo) não custa ficar atentos a alguns conselhos na hora de investir seu dinheiro.


Do Risco
“Preocupação não é doença, é sinal de saúde. Se você não está preocupado não está arriscando o bastante”

Da Ganância
“Realize o lucro sempre cedo demais”.

Da Esperança
“Quando o barco começar a afundar, não reze, abandone-o”.

Das Previsões
“O comportamento do ser humano não é previsível. Desconfio de quem afirmar que conhece uma nesga que seja do futuro”.

Dos Padrões
“Até começar a aparecer ordem, o caos não é perigoso”.

Da Mobilidade
“Evite lançar raízes. Tolhem seus movimentos”.

Da Intuição
“Só se pode confiar num palpite que possa ser explicado”.

Do Otimismo e do Pessimismo
“Otimismo significa esperar o melhor, mas confiança significa saber como se lidará com o pior. Jamais faça uma jogada apenas por otimismo”.

Do Consenso
“Fuja da opinião da maioria. Provavelmente está errada”.

Da Teimosia
“Se não deu certo da primeira vez, esqueça”.
Não sair catando um investimento por teimosia.
Jamais tentar salvar um investimento fazendo “preço médio”.

Do Planejamento
“Planejamentos a longo prazo geram a perigosa crença de que o futuro está sob controle. É importante jamais levar muito a sério os seus planos a longo prazo, nem os de quem quer que seja”.

Baseado no livro “Os Axiomas de Zurique” (editora Record) - autor: Max Gunhter

0 comentários:

Postar um comentário

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | cna certification