sexta-feira, 14 de novembro de 2008

De olho no mercado de trabalho...


Gerente de facilidades: conheça a profissão!

Uma nova profissão tem despontado no mercado de trabalho brasileiro: o gerente de facilidades. Seu objetivo é administrar edifícios empresariais, desde a área de infra-estrutura (ar-condicionado, iluminação) até a relação com os prestadores de serviços (limpeza, segurança) e questões ambientais (coleta seletiva de lixo, tratamento de efluentes).

Capacitado para integrar e tornar todas essas operações mais eficientes, o gerente de facilidades tem sido cada vez mais valorizado pelas empresas, como acontece na Europa, região em que o setor movimenta cerca de 4 bilhões de euros anualmente.

De acordo com o professor da Poli/USP, Moacyr Eduardo Alves da Graça, para se ter uma idéia, este tipo de profissional pode gerar uma economia de cerca de 30% nos custos operacionais de um edifício, quando seu trabalho é realizado de maneira eficiente.


Valorização

"Pouco a pouco, as empresas brasileiras vão percebendo que o modelo atual de administração não assegura o valor do patrimônio nem garante um suporte adequado às atividades da corporação", afirmou o professor.

Este modelo atual citado por ele é o seguinte: as empresas dão a uma área qualquer a incumbência de cuidar da infra-estrutura e manutenção e, à outra, a tarefa de cuidar da área administrativa e financeira. "O problema deste modelo é que não há um profissional capacitado para gerenciar todas as operações de forma integrada e baseada em parâmetros de eficiência", disse ele.

Conforme afirmou o professor, outro benefício de contratar este profissional é que ele preserva o valor do patrimônio imobiliário, mantendo o edifício sempre em boas condições.


Empresas especializadas

A evolução da profissão é tamanha no Brasil que já existem empresas especializadas em gerenciamento de facilidades. "Nas grandes corporações, a tendência é haver um gerente de facilidades interno para administrar áreas estratégicas e contratar empresas especializadas para cuidar do restante das operações", disse o professor.

Para o professor, esse mercado tende a crescer cada vez mais no Brasil, o que exigirá profissionais capacitados e novos cursos de especialização. "Na Europa, não há um país que não tenha um curso de especialização na área", contou o professor.

Aqui no Brasil, ele afirmou que quem pretende se especializar tem um campo aberto para trabalhar, pois a maioria das empresas ainda não estão estruturadas na área de gerenciamento de facilidades.


0 comentários:

Postar um comentário

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | cna certification