quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009

Planejamento Financeiro Pessoal


Organizar as finanças não é tão difícil quanto parece

Descontrole dos gastos pessoais, contas no vermelho, cartão de crédito estourado são alguns dos desafios que se apresentam a muitos brasileiros, e não só os menos favorecidos, mas de todas as classes sociais. A falta dos fundamentos de educação financeira pode levar as pessoas a situações de gastos excessivos ou desnecessários, endividamento sem controle ou de erros em decisões financeiras importantes. Saiba como ser mais equilibrado com o dinheiro na entrevista a seguir com o economista e diretor do Instituto de Estudos Financeiros, Edno Oliveira dos Santos.


Como uma pessoa deve se organizar financeiramente pensando no futuro?

A pessoa pode se organizar de forma planejada, o que demanda algum trabalho e capacidade de previsão e análise. Outra opção mais simples, embora eficaz, é simplesmente poupar uma parcela da renda – cinco, dez por cento etc. – e ir vivendo. Uma pessoa que comece a trabalhar ganhando R$ 500,00 por mês e tenha uma aumento de renda real de 4,6% ao ano, depois de quarenta anos sua renda será R$ 3.000,00. Se durante esses quarenta anos ela poupar 10% do salário e aplicá-lo numa caderneta de poupança, que tem um rendimento real de 6% ao ano, acumulará um montante de R$ 595.000,00. A maioria das grandes empresas oferece a seus empregados um plano de previdência complementar (o plano é opcional), onde ela contribui com uma parcela e o empregado com outra.


É preciso estipular valores fixados por mês para cada coisa?

É preciso apenas administrar os gastos de modo a obter a sobra de dinheiro necessária à implementação do plano de investimento de longo prazo.


O que uma pessoa pode fazer para perceber a importância do dinheiro?

A importância da boa administração do dinheiro pode ser melhor percebida olhando-se para aquelas pessoas que mesmo tendo rendimentos modestos, conseguiram realizações econômicas significativas graças a um bom planejamento financeiro pessoal.


O Brasil possui um cenário econômico que propicia o endividamento, com ampla oferta de crédito. Como uma pessoa pode se “vacinar” destas ilusões de consumo desenfreado?

Existe uma razoável oferta de crédito, embora bastante caro. A pessoa precisa ter um orçamento de renda e despesa bem organizado para poder perceber com antecedência as conseqüências das compras não planejadas, incentivadas pelo crédito abundante.


Qual a importância da boa relação com o dinheiro para a vida de uma pessoa?

A boa relação com o dinheiro significa basicamente reconhecer a importância de sua boa administração para a vida pessoal, familiar e para a saúde.


Como você avalia a cultura do brasileiro em relação à educação financeira?

Em termos gerais, a educação financeira ainda é muito incipiente. Entretanto, nos últimos dez anos ela tem melhorado bastante e a tendência é que essa melhora venha a se acelerar devido à crise financeira mundial.





0 comentários:

Postar um comentário

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | cna certification