sexta-feira, 19 de junho de 2009

Senado escondeu atos secretos de propósito, afirma funcionário

As ordens para manter atos administrativos secretos no Senado vinham diretamente do ex-diretor-geral Agaciel Maia e do ex-diretor de Recursos Humanos João Carlos Zoghbi. A afirmação feita pelo chefe do serviço de publicação do boletim de pessoal do Senado, Franklin Albuquerque Paes Landim, é revelada em reportagem de Andreza Matais eAdriano Ceolin, publicada nesta sexta-feira pelaFolha.

O testemunho contradiz aversão de Agaciel e do presidente do Senado, José Sarney, de que a existência dos atos secretos se trata de "erro técnico". A descoberta dos atos secretos - medida usada para criar cargos ou aumentar salários sem conhecimento público - foi o estopim da mais recente crise na Casa. Entre 1995 e 2009, o Senado editou 623 atos secretos.

Landim contou que recebia pelo telefone as ordens de Agaciel. Zoghbi, que despachava no mesmo andar, pedia pessoalmente. O chefe do serviço de publicação contou que guardava os atos secretos numa pasta e só os publicava quando recebia nova orientação dos diretores.

"Ele [Agaciel] mandava guardar. Dizia: 'Esse você não vai [publicar]. Você aguarda'. Com esse aguarda, às vezes mandava publicar, às vezes não. Podia ser amanhã, podia ser depois." Em alguns casos, disse, os atos ficaram guardados por "anos". Landim diz que não irá esconder a verdade porque apenas cumpriu ordens.

Pressionado pela opinião pública, Sarney subiu na terça-feira à tribuna da Casa para falar dos escândalos que atingem a instituição desde que ele assumiu o cargo, no começo deste ano. Cobrado a responder, Sarney disse que a crise não era dele. "A crise do Senado não é minha. A crise é do Senado. É essa instituição que nós devemos preservar. Tanto quanto qualquer um aqui, ninguém tem mais interesse nisso do que eu, até porque aceitei ser presidente da Casa."

Leia reportagem completa na Folha desta sexta-feira (19/06/2009), que já está nas bancas.

Fonte: Folha Online

---

É impressionante a situação que estamos, hoje ficamos a mercê de alguns políticos que vivem da máquina pública durante décadas, por isso que digo que estamos a mercê de “alguns”, os mesmos, sempre eles.

É lastimável, dia após dia lermos notícias deste gênero, uma falcatrua maior que a outra, e no final – PIZZA!

Vamos dar um basta nisso, hoje temos a internet a nosso favor, pelo que sei ainda vivemos num país democrático e a nossa constituição federal ainda nos garante liberdade de expressão.

Galera, mobilização, façamos a nossa parte, divulgue matérias correlacionadas a estes assuntos, se disponha a discutir sobre tais assuntos, veicularemos na internet uma gama diversificada e recheada da opinião popular.

É vergonhoso ver que os políticos legislando sempre a seus próprios interesses.

Artigo 5º da Constituição Federal:
“Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza..”

0 comentários:

Postar um comentário

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | cna certification